Receita de Ano Novo

large

Certa vez, Drummond escreveu um poema de como seria uma receita de ano novo. Aliás, todos tem sua receita para o ano novo. Todos querem dispensar toda a sua energia na virada, como se disso dependesse o resto dos 365 dias do ano vindouro. E se eles serão maus ou bons, tristes ou felizes, carentes ou em abundância…

Eu, na verdade, penso que o ano novo é um presente embrulhado por Deus – sabe aquele pacote lindamente embalado de forma harmoniosa feito cena de cinema!? E o Pai espera ansiosamente nossos olhos brilhantes ao ver o conteúdo revelado.

Receba o ano novo como um convite para tentar de novo. São 365 dias que vem pela frente como o desabrochar de uma flor, e você decide se desliga do resto – e do celular! – para sentir seu perfume ou ver a beleza de suas pétalas. E um convite para errar de novo. Aceite isso, pois todos erramos e sempre vamos errar. Exigir perfeição é se afastar da nossa condição humana e pecadora. Dependemos de Deus. E Ele é o único perfeito! E dEle é que pode vir um ano novo repleto de boas surpresas!

O que o ano novo nos reserva? Posso não saber, mas do que sei é que se as misericórdias se renovam a cada manhã, tanto mais se renovam quando a manhã também traz um ano novinho em folha para que possamos desfrutar.

Não venha com aquelas metas tolas e inatingíveis. Você já tem um Salvador que morreu por todas as suas falhas. Esqueça uma lista de metas que não te levam a lugar nenhum, como terminar o ano ganhando o dobro ou com a metade do peso que você tem. Tenha suas prioridades e entenda que sua força vem de Deus para fazer dias melhores do que estes que passaram. Sim, deixe a graça te cobrir por inteiro. E entrar por cada segundo de todos os dias que vem pela frente…

Então, quando a contagem regressiva começar ou quando os fogos explodirem no céu, relaxe e respire. Sinta o ar novo preparado por Deus. Viva esse novo tempo como se você merecesse ele!

E como diria Drummond: (sim, é um dos meus poemas e escritores prediletos e sempre vou citá-lo!)

“Para ganhar um Ano Novo
que mereça este nome,
você, meu caro, tem de merecê-lo,
tem de fazê-lo novo, eu sei que não é fácil,
mas tente, experimente, consciente.
É dentro de você que o Ano Novo
cochila e espera desde sempre.”

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s